segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Senhora do Mal


aqui faço meu único pacto
pedindo podres poderes
de tornar um ser
diante desse umbral pandemoníaco,
ao devastar a tormenta mágoa
que me machuca dia e noite.

por meio dessa escuridão
ponho-me a disposição
pois serei sua escrava
serva da maldição.

rogo essa magia
do domínio mais cruel
exorcizando meus sentimentos
transformando minha alma
em um ser sobrenatural
que supera as barreiras do destino,
de poder sentir a conexão
desse mundo estupendo
em que abalam os espíritos malígnos, atroz,
presas no além...

Fernando,


um leque de estrelas nessa vasta noite de luar
onde a paixão mais intensa habitava entre duas almas.
tu eras o brilho dos meus singelos olhos
a luz do meu luar...
e então,
Tu desprezastes a minha pessoa
os sentimentos mais intenso faz fenecer aos poucos
e do meu lado
a angústia atormenta
e a dor que me faz ressentir esse lamento
agrava intensamente
fazendo-me sangrar por essa mágoa
por essa ferida que tu me provocastes
no fundo do meu coração
que se quebra aos muitos
consequências de suas cruéis palavras
e por esse veneno amargo que tu deixas na minha alma
que mortifica-me inteiramente
tira-me a força  esperanças por ter você
esperanças de poder viver
de poder ser feliz...
ao seu lado plenamente
mas então,
as mentiras que criam barreiras
impediram do seu amor,
e que assim, em nessa alcova escura
eu possa jazer na eternidade,
porque essa dor que eu carrego
jamais irei aguentar
por tanto tempo...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...