sábado, 21 de abril de 2012

Minha morte...



M - inha vida se dissipa de vez, desse mundo

O - lhares aflitos se enche de lágrimas ao me ver partir

R - eina grandes saudades minhas em suas memórias, lamentando a perda,

T - ristemente me ver posta no sacorfago em puro torpor

E - ternamente no descanso, prosperando a mais seleta paz, insenta de dores de sofrimento.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...